Marina

11104055_839118999471373_729126816_n

Livro: Marina
Autor: Carlos Luiz Zafón
Páginas: 192
Tempo: 6 dias

Eu não estava dando nada para esse livro quando comecei a ler, até que, do nada, me senti dentro de um pesadelo. Ok, é forte começar um post falando isso, mas antes de mais nada devo dizer: esse livro é incrível! Muito incrível, mesmo!!!!

Seguinte, a história é envolvente, e por mais que te dê medo pelo menos comigo foi assim, você não consegue largar o livro. Quer continuar lendo para saber o que acontece!

Eu nunca tinha lido livros de suspense, eu sou muito cagona, odeio qualquer coisa de terror porque eu realmente não durmo a noite depois, e eu não queria continuar lendo, porque estava com medo de verdade, mas foi impossível não terminar de ler. São tantos os mistérios que foram atiçando minha curiosidade, que eu acabei deixando o medo um pouquinho de lado.

;

A história conta como Óscar conheceu Marina, e como eles acabaram se enfiando no meio de um dos casos mais sem pé nem cabeça, literalmente, da antiga Barcelona. E conforme eles vão seguindo mais pistas, mais dentro desse caso eles estão, até que a própria vida deles fica ameaçada.

O jeito que o Zafón escreve já é por si só misterioso, e o enredo deixa tudo mais nublado e difícil de entender. Você acha que é uma coisa, mas não tem nada a ver, e quando pensa que vai dar tudo certo, é só uma ilusão… O pouco de calmaria que tem é bom para o leitor, dá para sossegar o coração e prepara-lo para o próximo susto.

Super recomendação do mês! Obrigada Ju por me emprestar esse livro!

Segue a sinopse:
“Na Barcelona dos anos 1980, o menino Óscar Drai, um solitário aluno de internato, conhece Marina, uma jovem misteriosa que vive num casarão com o pai idoso. Em passeios pela cidade, os dois presenciam uma cena estranha num cemitério e se envolvem na resolução de um mistério que remonta aos anos 1940. Numa tentativa inútil de escapar da própria memória, Oscar abandona sua cidade. Acreditava que, colocando-se a uma distância segura, as vozes do passado se calariam. Quinze anos mais tarde, ele regressa à cidade para exorcizar seus fantasmas e enfrentar suas lembranças – a macabra aventura que marcou sua juventude, o terror e a loucura que cercaram a história de amor.”

Anúncios

2 comentários sobre “Marina

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s